Contribuições da monitoria e da tutoria entre pares para a permanência do estudante no ensino superior: análise de publicações do CLABES de 2011 a 2014

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Camila Alves Fior
Enviado: Nov 7, 2017
Publicado: Nov 15, 2017

Resumen

Nas últimas décadas, os países latino-americanos vivenciam uma expansão no número de matrículas nas instituições de ensino superior. Dentre os desafios deste crescimento está a busca por uma oferta de formação de qualidade, num cenário de abertura a um perfil de estudantes distintos, em termos de Background, gênero, idade, nível socioeconômico, experiências anteriores e expectativas de formação. Os desafios associados à aprendizagem do aluno e à permanência neste nível educacional têm levado as instituições a traçarem políticas que incorporam experiências que aproximam os estudantes de seus docentes, como também dos seus pares, a fim de favorecer o seu processo de integração, a aprendizagem e a permanência no ensino superior. Diante da importância que os pares exercem na formação do estudante, o objetivo deste trabalho foi analisar, através de uma revisão das produções publicadas nos Livros de Actas do CLABES, nos anos de 2011 a 2014, as características de três experiências acadêmicas e que envolvem os pares: Monitoria, Mentoria e Tutoria e as suas contribuições para o processo de permanência do estudante. Trabalhou-se com uma pesquisa bibliográfica, com a análise qualitativa dos dados. Dos 14 materiais analisados destaca-se a maior presença de estudos que abordam o tema Mentoria e Tutoria entre os Pares, sendo que os objetivos dos trabalhos, em sua maioria, priorizam o suporte do aluno na sua transição para o ensino superior. Apresentam programas com foco na aprendizagem, mas também incorporam ações visando superar desafios vividos no ambiente acadêmico. Outra característica da produção analisada diz respeito ao planejamento e acompanhamento na implantação destas ações, fruto de programas institucionais mais amplos. Apesar de centrada na relação entre os pares, é explícita a responsabilidade da instituição sobre as mesmas. Isso é viabilizado pela oferta de suporte, seja através do acompanhamento de docentes ou de outros profissionais, e pela capacitação dos alunos monitores/mentores/tutores. Destaca-se que o impacto de tais experiências para a permanencia não é analisado de forma direta, sendo documentadas as contribuições da monitoria e tutoria para a ampliação dos resultados acadêmicos e para alterações pessoais nos estudantes que podem favorecer a integração ao ensino superior e, consequentemente, associar-se a uma maior permanência. Os resultados apresentados sugerem a importância de ações que envolvam as interações com os pares a fim de serem viabilizadas experiências que auxiliem na permanência no ensino superior e criem condições para uma formação diferenciada para todos os estudantes.

Palabras clave

Evasão, Relações Interpessoais, Estudantes Universitários, Interações com Pares

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Cómo citar
Fior, C. (2017). Contribuições da monitoria e da tutoria entre pares para a permanência do estudante no ensino superior: análise de publicações do CLABES de 2011 a 2014. Congresos CLABES. Recuperado a partir de http://revistas.utp.ac.pa/index.php/clabes/article/view/1584