Permanência Estudantil E Educação Para A Cidadania Global: Possibilidades A Partir Da Experiência De Estudantes Estrangeiros

Pricila Kohls Dos Santos

Resumen


A educação superior no Brasil vem sofrendo alterações em suas configurações ao longo das últimas décadas. Mudanças estas alavancadas, em certa medida, pela forte expansão da educação superior privada e o baixo investimento na educação superior pública. Outro desafio importante também está no papel do estudante dentro das instituições de educação superior frente a demanda da multiculturalidade dentro da universidade e o desafio de se comunicar, de se relacionar e com as inter-relações entre economia, sociedade e cultura presentes nas instituições de educação superior e no papel do docente em abarcar este desafio estudantil em sua prática pedagógica. Nesse sentido, se faz necessário um olhar atento não apenas para a prática docente, mas para as opções em relação a tecnologia, internacionalização e educação para a cidadania global para a qualificação da educação superior e, por conseguinte, obter êxito em relação a permanência estudantil. Levando em consideração as políticas de internacionalização e partindo da experiência de estudantes estrangeiros em uma Universidade do Sul do Brasil, o presente estudo tem por objetivo analisar a diversidade das experiências que esses estudantes encontraram nas universidades porto-alegrenses e as motivações para virem estudar no Brasil e os motivos de sua permanência na educação superior. Ainda assim, analise o papel do docente, na perspectiva do estudante, em relação a integração destes estudantes no contexto brasileiro. A abordagem da pesquisa é de cunho qualitativo e para a coleta dos dados foram realizadas entrevistas semiestruturadas com estudantes estrangeiros, sendo que a análise dos dados se pauta na Análise Textual Discursiva. Os resultados indicam que a interação com o meio social e com o outro revelam-se essencial para a transformação do estudante, favorecendo sua inserção e o processo de aprendizagem. Além de servir como avaliação das políticas públicas de intercambio de estudantes, reforçando as estratégias que contemplem esta área e que possam ser pensadas como possibilidade para a redução do abandono de estudantes nativos nas universidades brasileiras.

Palabras clave


Permanência; Internacionalização; Educação para cidadania global; Educação Superior.

Texto completo:

PDF

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Licencia de Creative Commons
Este obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Los textos generados en la Sección Congresos CLABES son publicaciones de acceso abierto mostrados bajo licencia CC BY-NC-SA Creative Commons Atribución - NoComercial - Compatitr Igual 4.0 Internacional 

 




© 2016 Portal de Revistas de la Universidad Tecnológica de Panamá
Este sitio es un componente del proyecto UTP-Ridda2
Utilizando Open Journal Systems